Friday, January 23, 2009

Avaliação dos professores - Deputados do PS mudam sentido de voto

"Se a bancada socialista não tiver mais faltas do que o conjunto dos partidos da oposição, a maioria vai esta sexta-feira chumbar a proposta do CDS-PP de suspensão de avaliação dos professores. O PS decretou a disciplina de voto e apelou à presença de todos os deputados. É certo que pelo menos dois deles vão mesmo mudar o sentido do voto." TSF, Hoje às 07:18



Votem lá por onde quiserem porque já não há paciência para esta "palhaçada". Mas votem de uma vez por todas!
A "negociata" dos votos entre os partidos, para além de desacreditar (ainda mais, se possível...) a postura dos deputados que nos representam, fragiliza a importância do que está verdadeiramente em causa.
Nunca entendi, mesmo nos chamados "Casos Excepcionais" essa regra da "Disciplina de Voto". Penso mesmo que nos ditos Casos Excepcionais é onde faz menos sentido obrigar um deputado a votar em sentido contrário à sua consciência e à sua vontade.
Aparentemente hoje o assunto fica resolvido. Mas não fica. Vamos ter eleições...

..........................................................................................................

Há uma hora...

Chumbado projecto do CDS que suspendia avaliação de professores
O projecto do CDS-PP que pretendia suspender a avaliação dos professores foi chumbado pela maioria do Parlamento. O projecto teve os votos favoráveis de cinco deputados socialistas e das bancadas do CDS-PP, PSD, Bloco de Esquerda, PCP, Verdes e deputados não inscritos. fonte: (SOL)

1 comment:

PC said...

Ainda não perceberam que as pessoas não são parvas e vão percebendo estas jogadas.
Que bom que seria se os votos em branco contassem para lugares vazios no parlamento.
Pensava que os deputados defendiam os interesses das populações que os elegiam, mas não, defendem é os interesses dos partidos e outros ainda mais obscuros.
Eu até gosto de palhaços, mas as palhaçadas deviam ficar para palhaços verdadeiros.